Noticia

Sixckim relembra gravação do seu grande videoclipe Mwangolé em 2010

ad

Sixckim relembra gravação do seu grande videoclipe Mwangolé em 2010

As palavras do nosso Old School Sixckim foram as seguintesꓽ
Este video bastante significativo foi filmado e editado por J Killa.
As filmagens foram feitas no (1)Bairro Popular, na (2)Nova e na (3)Antiga Marginal, na (4)Ilha de Luanda, na (5)Galeria Celamar, no (6)Nova Vida, na (7)Rádio Nacional de Angola. Teve a participação da cantora Djamila Miranda que fez os coros.

Fizemos uma parte das filmagens na Galeria Celamar, situada na entrada da Ilha de Luanda. Foi um lugar que escolhi por causa da atmosfera de arte que aí reina. Eu por acaso falei com a mentora do grupo de batucadoras para saber se havia a possibilidade de incluir o grupo de batuqueira, mas infelizmente não foi possivel.

Eu queria tanto ter aquele grupo no meu video. Normalmente em África não existem grupos femininos de batucadores. É um fenômeno muito raro.
Estivemos a gravar no Bairro Popular para facilitar a logistica do grupo Sembele. Este grupo de dança tradicional era bastante conhecido em 2010. Provalmente ainda é conhecido.

Em uma das ocasiões em que estive no Espaço Bahia na marginal de Luanda situado ao lado do Deana SPA, deparei-me com uma atuação do grupo tradicional Sembele que estava terminando. Pedi o número de telefone ao lider do grupo e expliquei que um dia iria ligar para eles participarem num videoclipe meu.
Quando surgiu a oportunidade de filmar o videoclipe Mwangolé, não hesitei e liguei para o Senhor Sembele para convidar o grupo dele a participar no videoclipe.

Tendo em conta que a maioria dos membros do grupo viviam no Bairro popular, decidi ir ao encontro deles e filmamos a parte do grupo sembele no Bairro Popular.

Em apenas um dia no nosso percurso, tivemos a oportunidade de incluir como figurantes o artista Beto de Almeida, Miguel Lutonda (Jogador Senior da seleção nacional), o jornalista Pedro Benge, o Dj Joao Linho, Yuri Smallz, o Kool Kleva (GC Unity), o Lukeni Fortunato, o grupo de humoristas Os Tunezas, o Balta P (MadTapes), o Bleck John (Mong Block), o grupo de dança tradicional Os Sembele

Sixckim! Precisamos do teu livro com urgência. Sempre foste uma biblioteca viva da história da música feita por angolanos. Por favor.